• Jorge Cunha

Departamento jurídico como protagonista das estratégias empresariais

Em função da complexa legislação, dos altos custos e prejuízos que estratégias erradas, do ponto de vista jurídico, podem causar às empresas, o departamento jurídico cada dia mais se mostra importante na tomada de decisão futura.

O site Conjur em 2010 publicou interessante matéria sobre tal tema, que é bem atual, vejamos: “Orientar uma empresa em relação aos seus dilemas jurídicos é apenas uma das funções do novo advogado corporativo.


A área que alcançou o mesmo status do marketing e das finanças nas empresas dá abertura ao advogado para participar do plano estratégico de uma companhia. Na gestão moderna dos departamentos jurídicos, a área responde diretamente ao presidente e tem o poder de vetar o lançamento de um novo produto ou serviço.

Sempre que uma companhia pensa em dar um novo passo, é preciso analisar a viabilidade técnica, financeira e se há riscos para a imagem da empresa. “O jurídico também tem de participar deste processo. Checar se há leis que interferem na venda ou fabricação do produto, se a atividade na fábrica pode gerar insalubridade dos funcionários”, lembra Leonardo Barém Leite, autor do livro Gestão Estratégica do Departamento Jurídico Moderno.”( Por Fabiana Schiavon). O empresário moderno valoriza o Direito Preventivo, tendo o departamento jurídico como importante aliado nas decisões estratégicas de seu negócio, em todas as áreas.

0 visualização0 comentário